C4 Pedro & Ary – Homenagem II

C4 Pedro - Homenagem II background
C4 Pedro & Ary – Homenagem II
C4 Pedro
Homenagem II
7111 Downloads download icon

ouvir musica

previous
play_pause
next
speaker
0:00
0:00

Baixar Musica MP3 download icon

  • Author: C4 Pedro(feat. Ary)
  • Titulo: Homenagem II
  • Categoria:
  • Ano: 2021
C4 Pedro - Homenagem II Download mp3

biografia de C4 Pedro

Pedro Henrique Lisboa Santos A.K.A C4 Pedro, nasceu em Luanda (Angola), no bairro do Sambizanga, mas deu os primeiros passos na música na Bélgica, onde viveu durante 10 anos.

C4 Pedro é um dos mais influentes músicos angolanos da nova geração. Multifacetado, C4 Pedro é músico, compositor, produtor e intérprete.

Em 2007, C4 Pedro lança o seu álbum de estreia “Lágrimas – Um Só Povo Uma Só Canção” na Bélgica, que posteriormente (2009) é editado em Angola, aquando do seu regresso à sua terra-natal.

O seu segundo registo de originais “Calor e Frio”, chega aos escaparates em 2011 e catapulta a carreira do artista, aumentando exponencialmente a sua notoriedade. A digressão deste álbum, fruto do excelente desempenho dos temas de sucesso “Dá Só”, “Calor e Frio”, “Pokémon e Picachu”, “Casamento” e “Bo Tem Mel” (tema produzido por si e cantado e escrito em parceria com Nelson Freitas) leva o músico e produtor a esgotar pela primeira vez o Coliseu dos Recreios em Julho de 2013.

O ano de 2013 vê nascer o projecto B4 (C4 Pedro e Big Nelo), que toma de assalto a indústria musical com o êxito “É Melhor Não Duvidar”. O vídeo do tema atingiu cerca de 25 milhões de visualizações no YouTube desde então, e a dupla percorreu vários países em digressão até ao fim do projecto em Setembro de 2015, não antes sem esgotar o Campo Pequeno em Lisboa (Maio 2014), encher o Coliseu dos Recreios (Outubro 2014) e actuado em vários eventos e festivais, entre os quais o Meo Sudoeste. O CD/DVD “Los Compadres – Ao Vivo em Lisboa”, gravado em Maio de 2014 durante o espetáculo esgotado no Campo Pequeno e editado no fim de 2014, manteve-se durante muito tempo no topo da tabela nacional de vendas em Portugal.

O videoclipe do tema “Quem Será (O Verdadeiro Amor)”, registou mais de 500.000 visualizações em apenas 2 semanas e entrou directamente para o top dos vídeos mais vistos do YouTube em Portugal.

Entre 2014 e 2015, a carreira de C4 PEDRO a solo tem assumido bastante destaque por toda a Europa, onde o músico e produtor participou em eventos e festivais como o Meo Sudoeste (Lisboa), África Dançar (Milão), entre muitos outros. O músico e produtor é actualmente o mais solicitado por vários artistas nacionais e internacionais, e esteve também envolvido em vários êxitos como “Bo Tem Mel” (Nelson Freitas), “Fica Parado” (Pérola), entre muitos outros.

A versatilidade e polivalência de C4 Pedro levou-o a participar recentemente na telenovela portuguesa “A Única Mulher” e a dar voz a duas dos personagens do filme de animação “Hotel Transylvania 2”, que estreia em Portugal a 10 de Dezembro de 2015. C4 Pedro faz parte do elenco da versão em português, juntamente com Rita Pereira e João Manzarra, entre outros, que dão vida a estes personagens do filme.

No passado mês de Setembro (2015) C4 Pedro editou o seu mais recente trabalho “King ckwa”, o terceiro álbum a solo editado com o selo Sony Music Entertainment, n.º 1 do iTunes e que entrou directamente para o 4.º lugar do top nacional de vendas. A obra inclui o êxito “Vamos Ficar Por Aqui” (já ultrapassou 10 milhões de visualizações no YouTube), “Tu és a Mulher”, “Spetxa One”, “African Beauty” (feat. Dj Maphorisa) – que já tem mais de 1 milhão de views, “Azar da Belita”, “Muita Areia”, entre outros que também fazem parte deste novo trabalho de C4 Pedro, autor e compositor da maioria dos 20 temas deste alinhamento.

Pérola, Zona 5, Big Nelo, Nelson Freitas, Dj Maphorisa, Kaysha, Edmázia, Prodígio, Francis, são os convidados deste álbum eclético que percorre sonoridades desde a pop ao afro beat, afro house, passando pelo r’n’b, zouk ou kizomba.

 

Discografia

 

Prémios e distinções

2010 – Artista revelação e melhor balada;

2011 – Melhor intérprete;

2012 – Nomeação para melhor intérprete;

2013 – Melhor intérprete;

– Melhor álbum (B4 Los compadres);

– Melhor show (B4 Los compadres);

– Melhor grupo (B4 Los compadres);

2014 – Melhor intérprete;

2015 – Álbum Kingckwa;

– Palop Music Stars 2015:

Cantor do Ano;

Kizomba do Ano;

Melhor Coreografia em videoclip ao vivo;

2016 – CD e DVD ao Vivo no Campo Pequeno Lisboa;

– Afrimma Best Male Central África;

– MTV Base Best Lusophone.

biografia de Ary

Ariovalda Eulália Gabriel (Lubango, 10 de agosto de 1986), mais conhecida pelo nome artístico Ary, é uma cantora, compositora, dançarina, coreógrafa e arranjadora vocal angolana nascida e criada em Lubango, na província da Huíla. Alcançou a fama depois de ser contratada pelo produtor e cantor angolano Heavy C. Ary é uma cantora muito respeitada, sendo varias vezes indicada para o prémio “Divas Angola”. Ary é conhecida pelo seu estilo extravagante, espontâneo e bastante energético. É uma das figuras femininas mais sonantes no music hall angolano e a cantora mais popular, sendo bastante acarinhada e ovacionada pelo público, que a nomeou carinhosamente como “Diva do Povo”. A cantora e intérprete opta pelos estilos musical Kizomba e Semba, embora tenha grande paixão pelo R&B Soul.

 

Biografia

Infância e adolescência

Ary nasceu no Lubango, província da Huíla. Filha de Mário José Gabriel e Laurinda Helena.[8] Aos cinco anos de idade, emigrou para Luanda por onde frequentou o ensino medio no curso de Gestão de Sistemas Informáticos no Instituto Médio Industrial de Luanda (IMIL). Mais tarde ingressou a Ingressou para Universidade Independente de Angola “(UnIA)” para se formar em Ciências da Comunicação.

Ary é a mais velha de seis irmãs. Ary passou a viver em Luanda, no bairro da Maianga, mas teve que mudar várias vezes para outros bairros de Luanda. Ary recorda que quando era criança criava um jacaré em sua casa. Laurinda Helena, mãe da Ary, sempre a apoiou na carreira. O pai inicialmente tinha sido menos entusiasta em relação à opção da filha, mas acabou por apoiá-la.

 

Carreira

Início

Ary começou a dar os primeiros passos na música quando era criança. Usava o rádio de casa para cantar para os seus familiares, imitando músicas de cantoras angolanas e americanas, como a Lauryn Hill, sua maior influência. Na Igreja o seu talento também era notório. Desde então, começou a receber incentivo dos seus familiares e amigos a participar num concurso musical. Já em Luanda, em 2002, Ary foi concorrer para o concurso “Chuvas das Estrelas”, que mais tarde viria chamar-se “Estrelas Ao Palco”, apresentado pelos jornalistas Jorge Antunes e Patrícia Pacheco. Após o teste Ary foi seleccionada como uma das dez concorrentes para fase final. Na terceira fase do concurso Ary foi interpretar a música da sua cantora favorita, Lauryn Hill, de quem é uma grande fã. Após esta actuação Ary foi eliminada, para seu desepero e de toda família. A partir daquela momento triste Ary decidiu abandonar a música.

Mas tudo (re)começou graças a um amigo, que fez questão de apresentar Ary ao produtor e cantor angolano Heavy C. Ary foi submetida a um teste, no qual cantou a mesma música das Estrelas ao Palco. No final, a questão que Heavy C fez, foi: “Onde andavas esse tempo todo?”Ary teve, a certeza que estava em boas mãos e foi a partir desse momento que julgou ter chegado a altura de iniciar uma carreira profissional como cantora.

 

Estilo musical

Ary é famosa pelo seu estilo camaleônico e performance única no palco; é um dos nomes mais respeitados no mundo da música angolana. Ary opta por gêneros musicais como kizomba, semba e soul music.

Ary é considerada uma das três vozes femininas mais admiradas de Angola (a par de Yola Araújo e Yola Semedo). É a segunda cantora mais premiada do país, estando apenas atrás de Yola Semedo. Para já, considera-se uma menina prendada e boa dona de casa, “apesar de não saber, nem gostar de engomar, arruma muito bem a casa, lava perfeitamente, cozinha de tudo um pouco. Só não engoma porque não sabe, nem gosta de o fazer”. Passa muito tempo a ver filmes, a ler , a ouvir música e adora brincar com às maquilhagens.

 

2007: Sem Substituições

A venda do primeiro álbum da Ary foi em dezembro de 2007. Foi um sucesso de vendas que se esgotaram logo na primeira fase. Nessa altura a música “Como Te Sentes Tu?”, do álbum, causou polémica. As mulheres adoram esta música, mas quem realmente escreveu a letra foi o músico angolano Anselmo Ralph. Das músicas gravadas na África do Sul mantiveram-se apenas as faixas “Como Te Sentes Tu?” e “Deixa Respirar”. “Foi necessário mudar as restantes músicas e adequá-las ao estilo que o povo queria ouvir e dançar”. As músicas “Carta de Amor” (a que mais a marcou), “Meu Grande Amor”, “Saint Toys”, “Back the Baby” e “Doce Mel”, foram gravadas em Luanda. Em Paris gravou-se a música “Sexi Baby” com o francês Nicol. “Amar não é Assim” e “Casamento Só Pra Quê” foram gravadas pelo próprio Heavy C, na Holanda.

2013: Crescida mas ao Meu Jeito

O segundo álbum da cantora “Crescida mas ao meu jeito” foi lançado no segundo semestre de 2013. Ary colocou este título ao álbum porque não só aumentou a idade, mas também cresceu profissionalmente, tem outra visão sobre a música e sobre a vida. O disco conta com 12 faixas e é um disco 99% acústico. Foi totalmente gravado em Portugal e masterizado em Paris. Tem composições de Kenny Buss, Dr. Eugénio e Heavy C. Heavy C também foi o produtor das suas músicas.

 

Discografia

Álbuns de estúdio

  • 2007: Sem Substituições
  • 2013: Crescida Mas Ao Meu Jeito
  • 2016: 10

Os comentários estão fechados.